Rádio Margarida participa da Grande Coleta de Emaús 2020

Matéria e fotos: Frida Menezes

A Rádio Margarida foi uma das sedes da 47° Coleta de Emaús realizada no último domingo (27). O Movimento República de Emaús tradicionalmente realiza a coleta de doações passando pelos bairros da capital com caminhões e voluntários, mas neste ano, em razão da pandemia do novo coronavírus, a organização decidiu instalar pontos de doação num sistema de “drive-thru” para evitar aglomerações.

Voluntária do Movimento de Emaús recebe doadores na frente da Rádio Margarida.

A recepção dos doadores na Rádio Margarida contou com a participação dos voluntários e arte-educadores que vestiram seus personagens de palhaços para alegrar a programação. Para Charles Monteiro, um dos arte-educadores, a ação é muito digna, pois além de fazer o bem ao próximo, os voluntários ainda se divertem. “Para mim está sendo uma experiência muito divertida, a gente recebe as pessoas, recolhe as doações e na nossa mente fica aquele sentimento de missão cumprida, pois essa ação irá beneficiar muitas pessoas”, relata.

Doadores levaram utensílios usados para a Rádio Margarida.
Arte-educadores parceiros da Rádio Margarida ajudaram na recepção das doações.

A coleta resultou na doação de centenas de peças de roupas, eletrodomésticos, como televisões e ventiladores, além de brinquedos e livros. Todos os objetos arrecadados ajudarão na manutenção das ações desenvolvidas pelo Emaús, que atende mais de 600 jovens.

 

Diversos itens foram doados e entregues na Rádio Margarida.

Segundo Suzany Brasil, advogada e integrante do Centro de Defesa de Direitos de Crianças e Adolescentes (CEDECA – Emaús), a parceria entre a entidade e a Rádio Margarida é de suma importância. “Essa parceria está sendo riquíssima. Estamos aqui com muitas doações, muita gente fazendo sua solidariedade para a continuidade desse projeto idealizado pelo padre Bruno e pela juventude lá nos anos 70”, afirma ela, trazendo à memória o Padre Bruno Sechi, fundador do projeto, que faleceu em maio deste ano. Na avaliação da advogada, a parceria trouxe resultados positivos. “Estamos conseguindo muitos sócios solidários para contribuir todo mês, e fazer parte do Emaús mais de perto”.

Voluntários na frente da Rádio Margarida aguardavam as doações.

Quem não conseguiu fazer sua doação ainda pode levar até a sede do Movimento de Emaús, no bairro do Benguí ou no CEDECA-Emaús, no bairro Umarizal. Também é possível ajudar participando do bazar onde os itens recebidos serão vendidos ou através do sócio-solidário, doando uma quantia mensal para a instituição.

Doações para o Sócio Solidário:
Movimento República de Emaús
Banco do Brasil:
Agência: 1686-1 Conta Corrente: 735789-3
CNPJ: 63.887.558/0001-50

Contatos para mais doações:
98938-3797 | E-mail: prossol@movimentodeemaus.org

Entrega de doações:
– Na sede do Movimento de Emaús – Av. Padre Bruno Secci, 17, Bairro Benguí.
– No Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (CEDECA) – Trav. Dom Romualdo de Seixas, 918,
Bairro Umarizal (entre Bernal do Couto e Jerônimo Pimentel).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *