RM participa do evento “Lunetas Avista: múltiplos olhares sobre a criança hoje”

Com o objetivo de discutir a respeito dos desafios de se criar condições para a criança SER nos diversos espaços, ocorreu neste sábado (30/03) o evento “Lunetas Avista: múltiplos olhares sobre a criança hoje”. O encontro foi uma iniciativa do Portal Lunetas, plataforma de jornalismo para famílias e interessados na temática da infância, e o Programa Criança e Consumo, do Instituto Alana, cujo objetivo é divulgar e debater ideias sobre as questões relacionadas à publicidade de produtos e serviços dirigidos às crianças.

O evento contou com o apoio da ONG Rádio Margarida, na presença de José Arnaud, coordenador geral da instituição. Ele ressalta a importância da iniciativa. “Achei o evento interessante desde a sua concepção. Como eles buscaram estabelecer uma relação com as pessoas locais, instigando a participação. O Instituto Alana trabalha a temática do consumo, a educação pelo não consumismo e o evento deles esteve bem dentro dessa proposta de não desperdício, de reutilização de copos. Foi bem bacana ver o discurso sendo colocado na prática”, afirmou.

Sobre a dinâmica do evento, Arnaud destaca a abertura para a discussão entre convidados e participantes. “Eles lançavam uma pergunta e cada mesa respondia, o primeiro recorte foi a criança dentro da família. As pessoas fizeram seus relatos de experiência como mãe, mulher, profissional e isso gerou um debate bem interessante com a plateia. Elas se sensibilizaram, também colocaram suas experiências e esse debate entrou na questão da sociedade patriarcal, como os pais homens podem colaborar, como nós podemos auxiliar nessa mudança de concepção de sociedade, como o estado pode auxiliar”, comentou.

O evento contou com bate-papo e mesa redonda com perguntas norteadoras, como, por exemplo, a questão da criança no ambiente familiar, no ambiente escolar e crianças e territórios. José Arnaud comentou ainda sobre outras temáticas discutidas como a relação professor-aluno e sobre como os profissionais que lidam com crianças devem ter em mente que a missão maior é prepará-las para construírem um mundo melhor. Entre os temas discutidos, destaca-se também a situação dos territórios periféricos de Belém, ressaltando a questão da violência, da milícia, a problemática de estarem inseridas nesse contexto e a partir do momento em que visualizam isso, quais perspectivas tomar.

Entendendo a importância da discussão dessa pauta, a ONG Rádio Margarida esteve presente para conhecer a proposta do Instituto Alana e também apresentar sua própria atuação. “Nós traçamos um diálogo com o portal Lunetas e ali nasceu a possibilidade de uma parceria. Eles estão dispostos a colocar no portal deles as pautas de outros locais do Brasil e o intuito deles aqui foi esse, se conectar com a gente aqui do Pará, pra que eles possam fazer matérias e colocar nosso discurso e produções no portal deles que é de São Paulo”, explica Arnaud. A proposta é que, por meio dessa parceria, se possa conhecer mais a fundo as realidades do Brasil.

Texto: Camila Leal
Edição: Lorena Esteves
Foto: reprodução Lunetas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *