Escola de Conselhos promove Seminário Criança e Adolescente da Amazônia Paraense

Nesta quarta-feira (18/11), a Escola de Conselhos do Pará promove mais um Seminário Criança e Adolescente da Amazônia Paraense. O evento será no auditório do Bloco B do Instituto de Ciências da Educação da Universidade Federal do Pará (ICED – UFPA), de 9h às 12h e de 13h às 17h. Inscrições gratuitas no local.

“Este Seminário será um evento científico com apresentações de alguns trabalhos dos alunos do curso de especialização em Sistema de Garantia de Direitos e palestras, mas também um evento político e festivo que vai destacar a importância do papel do conselheiro tutelar para a garantia de direitos de meninos e meninas”, explica o coordenador da Escola de Conselhos, prof Salomão Hage.

No painel inicial, os professores MS, Assis de Oliveira, o prof Dr Salomão Hage e a profa Dra Lúcia Izabel Silva debaterão sobre os serviços de atendimento voltados a esse público na perspectiva do Disque 100 e sobre a vida de meninos e meninas que vivem na região do Xingu.

Na programação, estão previstas mesas temáticas com socialização dos trabalhos realizados pelos alunos do curso de especialização em Sistema de Garantia de Direitos. Temas relacionados aos direitos humanos do público infanto-juvenil, como saúde e educação, além de pesquisas sobre as violações de direitos serão abordados.

Dia do Conselheiro Tutelar
Na data, comemora-se o Dia do Conselheiro Tutelar, por isso a Escola conta com a parceira da Associação de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Pará (Aconextel), de um momento especial no período da tarde para homenagear esses atores fundamentais na defesa dos direitos.

No painel da tarde, os desafios, a escolha unificada e o cotidiano dos conselheiros tutelares serão discutidos pela profa Dra Flávia Lemos, autora do livro “O Controle da Vida: Práticas de Conselheiros Tutelares”; pelo coordenador de fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Marcelo Nascimento; e pelo presidente da Aconextel, Reginaldo Gomes.

Existem cerca de 160 conselhos tutelares nos 144 municípios do estado do Pará. Em outubro deste ano, foi realizada a primeira Escolha Unificada, na qual todo o Brasil escolheu os conselheiros tutelares que vão defender os direitos de meninos e meninas de 2016-2020.

Vários desafios envolvem esse público desde a falta de condições de trabalho, remuneração baixa, até falta de conhecimento para exercer o cargo. É na formação e na valorização desses atores que está o objetivo do projeto Escolha de Conselhos do Pará.

 

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *