Estudantes do projeto Comunicação Jovem visitam a Rádio Cultura FM 93,7

Treze alunos da Escola Estadual Ramiro Olavo Ribeiro de Castro participantes da Oficina de Rádio do projeto Comunicação Jovem, realizado em Belém-PA pela ONG Rádio Margarida com o apoio do Instituto Camargo Corrêa, receberam um presente de natal antecipado. Na manhã do dia 12 de dezembro, eles visitaram as instalações da Rádio Cultura FM/OT 93,7. A Rádio Cultura é uma rádio pública que faz parte da Fundação de Telecomunicações do Estado do Pará-FUNTELPA e integra a Rede Amazônia de Rádio e ainda o Repórter Amazônia através da produção de matérias de caráter regional. A visita foi guiada por Lurdinha Bezerra, radialista há 20 anos na Rádio Cultura. Ela apresentou ao grupo dos jovens radialistas como é feita a produção de rádio e onde são feitos os programas de entretenimento e informação. Os jovens conheceram ainda os principais nomes do rádio paraense como Edgar Augusto jornalista, produtor e apresentador da Feira-Som, programa mais antigo da rádio e que está há mais de três décadas no ar sem interrupções.

Participante do Comunicação Jovem, Edy Júnior relatou que ficou fascinado com o que viu. “Rádio é vida. Tudo que vi durante a visita me chamou a atenção. A visita foi perfeita”, conta. Na redação da área de jornalismo o grupo teve a oportunidade de conhecer os profissionais jornalistas da Cultura e aprender como é a rotina das equipes responsáveis por levar ao ar as notícias de relevância para o Pará. Eles conheceram os estúdios de gravação, ensaio e apresentação do Jornal da Manhã. O noticiário é o jornal radiofônico com maior tempo de atividade no Estado. É transmitido ao vivo de segunda a sábado para todo o Pará e alcança também alguns países fronteiriços através das ondas tropicais. Para o estudante, William Costa o projeto Comunicação Jovem e a visita à Rádio Cultura acrescentaram conhecimentos novos em sua vida, como a familiarização com a escrita de roteiros. “Foi a primeira vez que escrevi um texto de rádio. Gostei muito da experiência”, disse. Durante o passeio, os estudantes se mostraram surpresos ao conhecer diversos espaços que podem ser acessados por todo cidadão, como a biblioteca mantida na rádio e a discoteca que tem um acervo com mais de trinta mil volumes, incluindo discos de vinil (conhecidos como bolachões), MDs, CDs e até as extintas fitas-rolo. O comentário geral entre os jovens ficou por conta da conservação das obras.

Ao final da visita os jovens foram convidados a participar do programa Conexão Cultura ao Vivo com os artistas Renato Rosas, Nanna Reis e Arraial do Pavulagem. O Conexão Cultura ao Vivo é o único programa de rádio no Brasil que é multiplataforma, ou seja, é transmitido simultaneamente pelo rádio, TV e Portal Cultura, todas as sextas-feiras às onze horas da manhã. O passeio teve como principal objetivo proporcionar aos estudantes um momento de interação com os profissionais que atuam no rádio. Eles puderam tirar dúvidas a respeito das técnicas e da linguagem radiofônica e puderem conferir de perto como funciona o veículo que mais democratiza a informação e tem o maior alcance dos lares brasileiros. Além disso, o rádio tem feito do avanço tecnológico um grande aliado e propagador de conhecimento ao público por meio das rádio web, comunitárias e escolares.

Confira as fotos da visita clicando aqui.

Texto: Karina Lopes

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *