Ministério Público do Trabalho lança campanha de combate ao trabalho infantil

O Ministério Público do Trabalho (MPT) lançou no dia 24 de abril, via Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes (Coordinfância), uma campanha nacional contra a exploração do trabalho infantil, sob o mote: “Trabalho infantil não é legal.

A iniciativa é um esforço permanente para mobilizar a sociedade em relação ao consumo de produtos e serviços oferecidos pelas crianças nas ruas, como doces, engraxates e atividades nos semáforos. Segundo o coordenador nacional de combate à exploração do trabalho de crianças e adolescentes, Rafael Dias Marques – responsável pela campanha – a situação da informalidade é difícil de ser combatida, pois não há fácil identificação dos empregadores que mantêm esse cenário. “No entanto, acreditamos que se não houver demanda, não haverá oferta. Por isso, queremos que a sociedade reflita sobre o seu papel e não sustente esse tipo de trabalho”, explica Dias.

A campanha conta com quatro peças de sensibilização, além de áudio e vídeo sobre a temática. O Ministério Público do Trabalho permite a divulgação do material nas redes de parceiros interessados em difundir a causa.

Veja o vídeo da campanha:

Fonte: Pró-Menino 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *