MinC lança edital para jovens que produzem cultura

A secretária de Cidadania Cultural do Ministério da Cultura (SCC/MinC), Márcia Rollemberg, anunciou a realização do Edital Prêmio Agente Jovem de Cultura: Diálogos e Ações Interculturais, que vai conceder 500 prêmios, no valor de R$ 9 mil cada, a iniciativas culturais já realizadas e concluídas, propostas por jovens agentes culturais de todo o país.

As inscrições podem ser realizadas até  31 de janeiro de 2012. Acesse: http://www.cultura.gov.br/culturaviva/premio-agente-jovem-de-cultura/ e veja todas as informações para se inscrever.  Poderão participar da iniciativa jovens brasileiros natos ou naturalizados e estrangeiros residentes há mais de três anos no país, na faixa etária entre 15 e 29 anos.

O anúncio foi feito momentos antes da realização da plenária final da 2ª Conferência Nacional de Juventude, que reuniu, na capital federal, no período de 9 a 12 de dezembro, quase dois mil jovens, dentre eles, 1.400 delegados de todo o Brasil, observadores e também convidados nacionais e internacionais. O evento foi coordenado pela Secretaria-Geral da Presidência da República, por meio da Secretaria Nacional de Juventude (SNJ/PR).

Parceria
O Prêmio Agente Jovem de Cultura será desenvolvido pelo MinC, por meio da Secretaria de Cidadania Cultural, em parceria com a Secretaria-Geral da Presidência da República/Secretaria Nacional de Juventude e os ministérios do Desenvolvimento Agrário (MDA) e da Saúde (MS). Serão 100 prêmios para a categoria Jovem adolescente (15 a 17 anos), 200 para a categoria Jovem jovem (18 a 24 anos) e outros 200 para a categoria Jovem adulto (25 a 29 anos).

A premiação abrange uma faixa transversal de políticas públicas dedicadas à juventude e conta com recursos totais da ordem de R$ 5,7 milhões. O concurso terá recursos dos programas Brasil Plural e Cultura Viva, do MinC. Os ministérios envolvidos também concedem apoio financeiro.

As iniciativas culturais poderão contemplar ações voltadas para as áreas de Comunicação, Articulação e Mobilização Cultural, Cultura e Tecnologia, Pesquisa, Acervo e Diálogos Intergeracionais no Campo da Cultura, Formação Cultural, Produção e Expressão Artística e Cultural, Intercâmbios e Encontros Culturais, e Cultura e Sustentabilidade.

Ação mais permanente
Para a secretária de Cidadania Cultural do MinC, é importante identificar e valorizar o que vem sendo feito por jovens que trabalham com a cultura no Brasil. Mas, segundo ela, “esse prêmio é o primeiro passo de um processo de ação mais ampla e permanente, que vai envolver trabalhos de fortalecimento da formação do agente jovem de cultura, incluindo bolsas de formação, com uma parceria, também, do Ministério da Educação (MEC).”

“O jovem brasileiro precisa ter noção da diversidade, do patrimônio cultural que esse país tem. A partir disso ele terá uma decisão, tomará consciência, com maior propriedade, da participação que terá para o Brasil de amanhã”, enfatizou Márcia. Segundo ela, a partir do próximo ano, o trabalho será amplo, visando fortalecer os agentes de cultura.

A Secretária Nacional de Juventude, Severine Macedo, disse que o prêmio, além de beneficiar jovens que já vêm desenvolvendo experiências na área cultural, abre uma relação estratégica entre o MinC e a SNJ, com apoio dos demais ministérios envolvidos. “Inaugura um período estratégico de uma relação que vai fortalecer o acesso à produção e à cultura como um direito da juventude brasileira”, acentuou. Segundo Severine, a maior parte dos programas que o MinC desenvolve atinge maximamente os jovens.

(Fonte: Ação Educativa)

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *