Publicado em

Sespa abre Semana Mundial de Aleitamento Materno

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) abriu na última terça-feira, 2, no auditório da Fundação Santa Casa de Misericórdia a programação da Semana Mundial de Aleitamento Materno. A abertura da campanha contou com a presença do secretário especial de Proteção Social, Zenaldo Coutinho; do secretário de Estado de Saúde, Helio Franco; da presidente da Fundação Santa Casa de Misericórdia, Maria do Carmo; da representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), Ida Oliveira, e da coordenadora do Banco de Leite da Santa Casa, Cynara Souza, entre outros. Criada em 1992, a Semana Mundial de Aleitamento Materno é lembrada em muitos países com eventos e atividades que estimulem a amamentação e sensibilizem as pessoas sobre a importância do aleitamento materno.

Diversas mães também estiveram presentes para reafirmar a importância e os benefícios de amamentar seus filhos e ainda promover a doação do leite materno. Muitas delas fizeram questão de dar seus depoimentos e emocionaram o público ao relatarem suas experiências como mães e também como doadoras de leite para a Santa Casa. É o caso de Paula Souza, 30 anos, moradora do bairro do Marex. Mãe de primeira viagem, ela se diz realizada por amamentar seu bebê, de apenas um mês, e ainda poder ajudar outras crianças que também precisam do leite materno. “Fico feliz em poder amamentar meu filho e também pela oportunidade de poder ajudar outras crianças que dependem desse alimento fundamental nos primeiros dias de vida. Doar leite materno é, sobretudo, um gesto de amor ao próximo”, afirmou.

Por ser considerado um alimento completo e suficiente para garantir o crescimento e desenvolvimento da criança, o leite materno ingerido até o sexto mês de vida ajuda a reduzir a mortalidade de crianças menores de 5 anos em todo o mundo. Os benefícios são vários, tanto para as mães quanto para os bebês. Durante dos dois primeiros anos de vida, o leite também previne uma série de doenças.

Maria do Carmo, presidente da Santa Casa de Misericórdia, enfatizou a importância do evento. “A semana do aleitamento é de suma importância. É uma prática salutar e simples, que ajuda a salvar muitas vidas. E por trabalharmos com isso no nosso dia-a-dia, nos sentimos honrados em poder receber a todos nesse ato de sensibilização”, afirmou. O secretário de Estado de Saúde, Helio franco, ressaltou que o assunto precisa ser reforçado permanentemente e tratado em todos os ambientes – família, trabalho, amigos. “Todo dia é dia de falar sobre aleitamento materno”, frisou.

O secretário especial de Proteção Social, Zenaldo Coutinho, também reforçou a importância do evento para as mães e elogiou os depoimentos apresentados. “Relatos como esses precisam ser divulgados, as pessoas precisam ouvir as mães que amamentam e também as que doam leite para entender a grandeza desse gesto e o quão fundamental ele é para a saúde de nossas crianças”. Ações educativas e de conscientização serão desenvolvidas durante toda semana para despertar na população a importância sobre o ato de amamentar.

Fonte: Agência Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *