Publicado em

27/11/2010 – Sexualidade na Adolescência

O objetivo do programa foi mostrar que a sexualidade na adolescência deve ser conversada, e que o diálogo pode prevenir inúmeros problemas como as doenças e também uma possível gravidez.

Entrevistados no estúdio

Elizabet Mendes, terapeuta sexual
Lourival Marssola, coordenador do programa DST/AIDS do Governo do Estado do Pará.

Reportagens

1 – Conversa com alguns adolescentes sobre como eles tem acesso a informação sobre sexualidade. Saõ ouvidos três adolescentes sem serem identificados. Além da Vice-Diretora da Escola Mario Barbosa, do bairro da terra Firme em Belém.
2 – Sobre as consequências de um comportamento sexual irresponsável entre os adolescentes. Foi ouvida a Assistende Social da URIDIP – Unidade de Referencia especializada em doenças infecciosas e parasitais Especial, Jandira Silva.

Baixe o programa na integra aqui.

Ouça o programa:

[audio:https://www.radiomargarida.org.br/wp-content/uploads/bloco-132.mp3|titles=Sexualidade na Adolescência – Bloco 1] [audio:https://www.radiomargarida.org.br/wp-content/uploads/bloco-231.mp3|titles=Sexualidade na Adolescência – Bloco 2] [audio:https://www.radiomargarida.org.br/wp-content/uploads/bloco-330.mp3|titles=Sexualidade na Adolescência – Bloco 3] [audio:https://www.radiomargarida.org.br/wp-content/uploads/bloco-426.mp3|titles=Sexualidade na Adolescência – Bloco 4]

Um comentário sobre “27/11/2010 – Sexualidade na Adolescência

  1. Como radialista e jornalista me sinto muito feliz em externar minha opinião a respeito do trabalho desenvolvido pela Rádio Margarida. Há algum tempo, acompanho esta corajosa abordagem de temas polêmicos como este e tenho consciência que o alcance de um resultado satisfatório contempla o empenho desta emissora. Sei que o caminho é árduo, porém não devemos desistir de nossos ideais de defender os menos favorecidos e fazer prevalecer os princípios democráticos da liberdade plena com responsabilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *